Aparelho de contenção fixa e móvel: entenda as diferenças

06/06/2022

Depois de retirar o Aparelho Ortodôntico, ainda existe o risco de os dentes entortarem outra vez, condição que recebe o nome de recidiva. Para evitar que essas movimentações aconteçam, existe a contenção fixa e móvel.

A contenção tem o importante papel de manter os dentes na posição em que o Aparelho Ortodôntico deixou. Ela deve ser usada para permitir que os tecidos “cicatrizem”, formando uma base firme ao redor da raiz do dente que vai impedir que eles voltem à sua posição original.

Por isso, tanto a contenção fixa quanto a contenção móvel são indispensáveis para manter os bons resultados alcançados. Esses dispositivos são diferentes entre si, por isso nós preparamos este artigo para que você possa conhecer as variações da contenção ortodôntica. Continue lendo para conferir as características e indicações de cada uma!

O que é o Aparelho de contenção fixa?

A contenção fixa não é exatamente um Aparelho. Sua estrutura é completamente diferente dos demais dispositivos utilizados no Tratamento Ortodôntico, pois se trata de apenas um fio metálico, que é fixado nos dentes.

O fio é posicionado na face posterior dos dentes anteriores, ou seja, na parte de trás dos dentes da frente, que fica em contato com a língua. Esse fio pode ser reto ou apresentar algumas curvas (contenção higiênica). O segundo caso pode ser mais interessante porque facilita o uso do fio dental.

Como o nome dessa contenção indica, ela permanece fixa no dente. O ortodontista “cola” o fio em quatro ou seis dentes, e ele permanece ali até o momento em que não é mais necessário.

O que é o Aparelho de contenção móvel?

O Aparelho de contenção móvel tem uma estrutura bem diferente da contenção fixa. Aqui temos um dispositivo confeccionado de forma personalizada para cada pessoa, e que se encaixa nos dentes e no céu da boca.

Ele é confeccionado em um tipo de plástico e em metal. Pode ser retirado da boca pelo próprio paciente, o que deve acontecer na hora de se alimentar e de escovar os dentes.

Esse tipo de contenção é bem característico porque, quando a pessoa sorri, percebemos apenas um fio metálico muito fino que percorre de um lado ao outro da arcada dentária.

Apesar do seu formato encaixado nos dentes, o Aparelho não exerce nenhuma pressão na arcada dentária. Como explicamos, a função do dispositivo de contenção é apenas evitar que os dentes se movimentem, por isso, os Aparelhos de contenção fixa e móvel são chamados de dispositivos passivos.

Quais são as diferenças entre contenção fixa e móvel?

Você deve ter notado que as diferenças entre contenção fixa e móvel começam no formato dos dispositivos. No primeiro caso temos apenas um fio metálico, no segundo, um dispositivo confeccionado em dois materiais diferentes e de forma personalizada para cada paciente.

Outra grande diferença é que a contenção fixa só pode ser retirada da boca pelo Dentista. Em alguns casos, pode ser utilizada durante toda a vida.

As diferenças entre contenção fixa e móvel também estão nas indicações de cada uma delas. Geralmente, a contenção fixa é indicada para os dentes inferiores, porque eles têm uma suscetibilidade maior para a recidiva. A contenção móvel, por sua vez, é mais utilizada nos dentes superiores.

Vale ressaltar que todo paciente que faz o Tratamento Ortodôntico precisa utilizar algum tipo de contenção. O Dentista é que vai decidir qual delas é a mais adequada e o tempo necessário de acordo com as características do quadro e as necessidades do Cliente.

Assim, não podemos dizer que uma contenção é melhor do que a outra. Na verdade, cada qual atende a situações específicas e pode ser mais ou menos indicada dependendo das correções que foram feitas e do risco de recidiva identificado pelo Ortodontista.

Por que é tão importante usar o Aparelho de contenção?

Quando o Cliente usa o Aparelho Ortodôntico e o dispositivo faz as movimentações nos dentes, esses tecidos saem da sua posição natural. O Aparelho exerce pressão para que isso aconteça.

Com a retirada do Aparelho Ortodôntico essa pressão já não existe mais, então, os tecidos se sentem à vontade para voltar à sua posição original. É aqui que contenção fixa e móvel exercem o seu importante papel.

Como explicamos, elas mantêm os dentes na posição em que o Aparelho Ortodôntico deixou. Com isso, os tecidos podem “se acostumar” com a nova configuração, minimizando o risco de os dentes entortarem outra vez.

Perceba que contenção fixa e móvel farão com que você mantenha os resultados do seu Tratamento Ortodôntico. Se esses dispositivos não forem utilizados depois de retirar o Aparelho, existe a possibilidade de perder toda a evolução alcançada. 

Por isso é tão importante ter um pouco mais de paciência e seguir com essa etapa fundamental do Tratamento. Assim você garante que os resultados permanecerão.

No caso da contenção fixa, muitas vezes é preciso utilizar pelo resto da vida porque, como explicado, os dentes inferiores têm maior suscetibilidade para recidiva. As movimentações dentárias podem acontecer como condição natural do nosso organismo, que ocorre à medida que o processo de envelhecimento acontece.

Para a contenção móvel, é muito importante que o paciente tenha comprometimento com seu Tratamento, já que o dispositivo pode ser retirado da boca por ele mesmo. Porém, existe um tempo mínimo de uso diário, que deve ser respeitado para garantir a manutenção dos resultados.

Consulte um bom Ortodontista para realizar o seu Tratamento. Assim tudo será planejado da maneira mais adequada às suas necessidades, e a indicação de contenção fixa e móvel será feita conforme aquilo que você precisar. E ainda, receberá instruções sobre como cuidar dos seus dentes usando a contenção, para garantir uma boa conclusão do Tratamento. Gostou de aprender sobre Aparelhos de contenção? Então siga a OrthoDontic nas redes sociais! Assim você pode acompanhar temas interessantes como esse. Estamos no Facebook, Instagram, LinkedIn e YouTube.

Agende Sua Avaliação

E comece seu tratamento agora mesmo.

AGENDAMENTO ONLINE

DEIXE SEU TELEFONEQUE LIGAMOS PRA VOCÊ.

NOTÍCIAS SOBRE

Um comentário em "Aparelho de contenção fixa e móvel: entenda as diferenças"

  1. Urania disse:

    Obrigada por tirar minhas dúvidas sobre aparelho de contenção! Vocês são muito atenciosos, Deus abençoe!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.