Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.
Submit Tirar Dúvidas

Quem pode ter uma Franquia de saúde?

Quem pode ter uma Franquia de saúde?

Você sabe quem pode ter uma franquia? Esta é uma dúvida comum com o sucesso e advento deste tipo de negócio. As Franquias de saúde registram ótimo desempenho, crescem acima da média nacional no Franchising e têm alta lucratividade, o que atrai o olhar de empreendedores e investidores.

Quem não é da área pode ter uma Unidade Franqueada? A resposta é sim! Muitas são as Redes que abrem oportunidades de negócio para que empreendedores de outras áreas do conhecimento gerenciem as Franquias de saúde. E há várias razões para isto.

Modelo testado

Franquia é sinônimo de um modelo pronto de negócio, que foi testado e está no mercado colhendo frutos do trabalho desenvolvido pela Franqueadora.

O Franqueado replica o modelo em sua Unidade com o respaldo de um Know-how consolidado, treinamento, consultoria de campo, planos de captação de clientes e o manual de como proceder no dia a dia do negócio. Isso inclui processos de recrutamento, seleção e desenvolvimento contínuo das equipes.

Por conta desta estrutura, o Franqueado não precisa dominar os conhecimentos técnicos da área da saúde. Ele será o gestor da Unidade e administrará o seu negócio seguindo o manual com todas as instruções desenhadas pela Franqueadora, que oferece acompanhamento constante dos processos e resultados.

Demanda reprimida

As Franquias de saúde representam uma oportunidade de negócio em um país onde o setor público não consegue atender às demandas da população. Todos precisam de médicos, dentistas e fazem exames de rotina.

Quantas mulheres precisam fazer uma mamografia anualmente? Quantas pessoas de todas as idades precisam ir ao dentista? Usar aparelhos ortodônticos? Fazer um check-up médico? E onde elas encontram esses serviços?

Atualmente, apenas 30% dos brasileiros tem acesso à plano de saúde particular (SPC Brasil, 2018), ou seja, cerca de 150 milhões de pessoas dependem do Sistema Único de Saúde (SUS) no país, o que acaba inviabilizando alguns tipos de atendimento ou fazendo com que demorem muito – às vezes, anos.

Ao democratizar estes serviços para a população das mais diversas classes sociais, as Franquias de saúde encontraram um nicho de mercado com demanda reprimida. Elas se tornaram muito competitivas ao reduzir os valores cobrados pelo serviço, mantendo a qualidade de atendimento.

Além disso, estima-se que o valor da consulta, procedimentos, tratamentos e atendimentos médicos e odontológicos oferecidos por Franquias custam cerca de 40% menos se comparados à média do mercado privado.

Segmento em expansão

A eficiência de modelos testados aliada às possibilidades de um mercado com alta demanda pelo serviço resultou no sucesso e na alta lucratividade para as Franquias de serviços de saúde e garantiu sua expansão exponencial nos últimos anos.

Unindo qualidade de atendimento e agilidade, as Redes de saúde conquistaram uma parcela grande da população.

Em 2018, o segmento de Saúde, Beleza e Bem-Estar faturou quase R$ 32 bilhões. Dinheiro que movimentou a economia, gerou empregos e ofereceu oportunidades para que muitos empreendedores realizassem o sonho de serem donos do seu próprio negócio.

Outro fator relevante é que quem não é da área pode ter uma Franquia de saúde. Por isso, a área continua expandindo.

Os números também continuam em ascensão. Considerando os três primeiros meses de 2019, a alta no faturamento das franquias de saúde foi 9,2% maior quando comparado ao mesmo período do ano anterior.

Como escolher uma Franquia de saúde?

Com o setor aquecido e dezenas de marcas no mercado, vale pesquisar e descobrir que a saúde pode ser um ótimo segmento para investir com mais segurança e lucratividade.

Pensando nisso, é relevante que, ao pesquisar uma rede, o candidato a franqueado verifique se ela fornece todos os manuais de operação, dá treinamento, tem capacitação continuada. Há marcas que tem, inclusive, plataformas de treinamento online para líderes e colaboradores da Unidade.

Ouvir franqueados que também não são da área da saúde é uma ótima maneira de saber do suporte oferecido e se ele atende às suas necessidades, além de oferecer uma perspectiva real de como será a rotina de trabalho na Operação.

Algumas redes possibilitam a realização de um teste drive antes da assinatura do contrato, verifique esta possibilidade! Você pode realizar o sonho de ter uma franquia de saúde!

Franquias odontológicas: conversão de consultório vale a pena?

Redes Sociais

Posts Relacionados

Como adquirir uma franquia OrthoDontic

Abrir uma franquia pode parecer um grande desafio, mas ao contar com o suporte e a expertise de uma marca consolidada como a da OrthoDontic, ...
Continue lendo →
Franquias

A Importância do treinamento e desenvolvimento para o sucesso de uma franquia

No Franchising, um treinamento eficiente faz a diferença para o negócio conquistar os resultados esperados. É nesse momento que a Rede transmite ao empreendedor o ...
Continue lendo →
Franquias

Franquia como oportunidade de mudança de carreira

Cada vez mais pessoas avaliam mudar de carreira, em busca de realização profissional e pessoal. Muitos são movidos pelo aspecto financeiro, pois se sentem estagnados ...
Continue lendo →
Rolar para cima

Usamos cookies para garantir a melhor experiência para você. Ao acessar nosso portal, você está de acordo com a nossa Política de Privacidade

cropped-simbolo-logo.png

DEIXE SEU NÚMERO E EM BREVE ENTRAREMOS EM CONTATO