Test drive de Franquias: Um dia como Franqueado

Experimente o negócio antes de investir e escolha a Franquia mais adequada para você

09/03/2020

Quem pensa em investir em uma Franquia precisa de um período de pesquisa e deliberação para garantir uma decisão assertiva. Neste sentido, um test drive de Franquias pode oferecer uma “degustação” do cotidiano da Operação antes da assinatura do contrato.

A medida – que tem objetivo semelhante ao de um test drive de automóveis – permite que o candidato a Franqueado descubra se sente identificação com o negócio antes de realizar o investimento, evitando frustrações para todos os envolvidos na negociação.

Como funciona o test drive de Franquias?

 Na prática, o test drive de Franquias consiste na visita a uma Unidade padrão da marca, que pode durar entre um dia e algumas semanas. Neste período, o potencial Franqueado vivencia a rotina da Operação, acompanhando a execução dos processos e a aplicação do know how.

Tradicionalmente, não são cobradas taxas para que o candidato tenha esta oportunidade, que deve ser utilizada justamente para que ele decida se quer investir. Entretanto, o test drive é realizado em uma etapa mais avançada da negociação, quando o possível investidor já está pré-aprovado e com a COF em mãos.

Passo a passo para chegar ao test drive de Franquias:

1. O candidato entra em contato com a Franqueadora (via e-mail, telefone, presencialmente etc.);

2. Um Consultor de Expansão envia as primeiras informações sobre a Franquia e valores de investimento – se houver a possibilidade, há uma reunião presencial;

3. O candidato preenche uma ficha de pré-qualificação informando dados pessoais e histórico de carreira;

4. A ficha é aprovada pela Franqueadora. O candidato recebe a COF e é agendado para um test drive nas Unidades modelo.

É importante ressaltar que, diferente do que acontece na versão automobilística, neste tipo de test drive não basta o interesse do comprador. O vendedor – Franqueadora – também deve estar de acordo com a parceria. Por esta razão, é normal que o processo envolva entrevistas pessoais com os diretores da Rede.

O que avaliar em um test drive de Franquias?

 Experimentar uma Franquia antes de tornar a parceria oficial é muito útil para o processo de decisão, se você souber o que avaliar durante a experiência. Algumas perguntas podem ajudar a entender se você se enquadraria no dia a dia da Operação.

– Acredito neste negócio?

– Me identifico com as atribuições propostas?

– Me vejo realizando este trabalho a longo prazo?

– O tempo que pretendo dedicar ao negócio é suficiente para administrar as demandas?

– Concordo com a execução dos processos implantados? – você será responsável por garantir o cumprimento do padrão na sua Unidade.

Me identifico com o propósito da Rede?Lembre-se de que em qualquer estrutura de Franchising é necessário executar os processos para obter os resultados projetados. Use o test drive de Franquias para entender se está realmente disposto a cumprir o papel designado a você como Franqueado.

Exemplo: Se em uma Franquia de Odontologia o papel do Franqueado é de Gestor, não é necessário que ele seja Dentista para operar. Caso ele seja Dentista, deverá abandonar a cadeira para fazer o trabalho de gestão. Nos dois casos, o fator decisivo para o sucesso da Unidade será o foco na gestão da Clínica.

 O que um test drive de Franquias diz sobre a Rede?

 Permitir que o candidato viva um ou mais dias como Franqueado não é uma obrigatoriedade legal. Logo, esta prática revela alguns traços importantes sobre a personalidade da marca.

Transparência: A simples possibilidade de um test drive de Franquias indica que a Rede valoriza a clareza e a honestidade na relação Franqueado x Franqueadora. Quando o investidor aposta no negócio sem entender exatamente como ele funciona, os dois lados perdem.

 Qualidade: Não podemos deixar de considerar o test drive de Franquias como uma etapa avançada e aprofundada de um “processo seletivo”. Uma Rede criteriosa na aprovação de seus candidatos garante um time de bons Franqueados e, por consequência, excelência na execução dos processos.

 Maturidade: Algumas vezes um candidato é reprovado durante o test drive. Este é um indicativo de que a Rede se consolidou e que pode selecionar estrategicamente seus Franqueados. Um grupo de Operadores alinhados aos objetivos da Rede garantem uma imagem consistente, confiável e aumentam o valor da marca.

 Segurança no know how: “Exibir o know how para uma pessoa de fora? E se formos copiados?”. Uma estrutura simples de ser replicada aponta para a fragilidade e inexperiência da Rede, o contrário do que pode ser observado em Franqueadores que se sentem seguros para trabalhar com o test drive de Franquias.

Notícias sobre

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *