Quanto custa abrir uma Franquia?

Muita gente pensa no Franchising como caminho para abrir o próprio negócio, mas quanto é preciso investir para começar?

21/08/2020

O mercado de Franquias se popularizou no Brasil e no mundo por apresentar uma alternativa mais segura e previsível para quem pensa em ter o próprio negócio. Mas quanto é preciso desembolsar para abrir uma Franquia?

Separamos os valores de investimento em algumas categorias, com dicas e alertas importantes para guiar a sua pesquisa.

Abrir uma Franquia: baixo investimento

As microfranquias são opções de modelos de negócios mais enxutos, com investimentos iniciais que podem começar em valores bem acessíveis – cerca de R$ 3 mil – e chegar a R$ 80 mil em média.

O baixo custo pode estar associado, por exemplo, a possibilidade de trabalho em regime home office, isentando o Franqueado de custos com instalação e manutenção. É o caso de algumas Franquias de publicidade em embalagens, comunicação e marcas de roupas.

Alertas:

-Neste nicho há muita variedade em termos de modelos de negócios e muitos deles não caracterizam exatamente um sistema de Franchising, apesar de serem vendidos com este nome. Exija a COF, leia com cuidado, fale com outros Franqueados e tenha a certeza de que está fazendo um negócio seguro.

-Você com certeza já ouviu a máxima de que “o barato pode sair caro”. Ao escolher uma Franquia, lembre-se de que o tamanho do retorno será proporcional ao investimento. Não existem milagres!

Nem todos os modelos de negócio até R$ 80 mil são microfranquias. No Franchising existe a possibilidade de Conversão de Bandeira, modalidade na qual o empresário adapta um negócio existente ao padrão de uma Rede de Franquias para se tornar um Franqueado. Neste caso, os custos podem ser mais baixos, pois, parte da infraestrutura já está pronta.

Abrir uma Franquia: investimento médio

Entre R$ 100 mil e R$ 500 mil, aproximadamente, começamos a encontrar modelos mais enquadrados em uma estrutura tradicional de Franquia. As opções são divididas pela Associação Brasileira de Franchising em 11 segmentos, que incluem, Beleza, Saúde e Bem-Estar, Alimentação, Serviços educacionais e outros.

Dentro desta faixa de preço existem opções em todos os segmentos. Para afinar sua busca, colete informações sobre a marca escolhida e sobre mercado ao qual ela pertence. Estes dados são disponibilizados trimestralmente no site da ABF.

Alerta:

-Nesta categoria, os investimentos passam a ser mais robustos, verifique se a Rede investigada oferece suporte compatível com o valor cobrado.

Dica:

-Explore segmentos fora da sua área de atuação, considerando os números e potencial de crescimento do setor no cenário atual. Pode ser um bom caminho para identificar uma oportunidade de ouro!

Abrir uma Franquia: investimento alto

Nesta categoria, o aporte inicial pode começar em R$ 500 mil e chegar a valores acima de sete dígitos. O preço pode estar associado ao valor da marca, infraestrutura, suporte qualificado e desenvolvimento de tecnologia – grandes diferenciais que influenciam diretamente as chances de sucesso do negócio.

Alto investimento, geralmente, vem acompanhado de alto faturamento. Abrir uma Franquia nesta categoria pode implicar em ter uma Operação que fatura acima de R$ 200 mil/ mês.

Alerta:

Ao optar por um Franquia de alto investimento, analise e compare todos os indicadores. Não se deixe seduzir apenas por uma marca conhecida. Verifique, por exemplo, a qualidade da estrutura de suporte e a rentabilidade de modelo de negócio escolhido.

Dicas:

Para quem possui apenas parte do capital necessário, mas pensa em abrir uma Franquia de alto investimento, existem algumas possibilidades!

-Sociedade: A parceria com um ou mais investidores pode ser um caminho para viabilizar a aquisição de uma Franquia de alto investimento.

-Financiamento de Franquia: Muitos bancos trabalham com linhas de crédito especiais para quem pensa em abrir uma Franquia. Em alguns casos, a própria Franqueadora pode facilitar a aproximação entre o candidato e a instituição.

Avalie os riscos e oportunidades

São quase três mil marcas operando no Franchising nacional atualmente e muitas delas oferecem alternativas em mais de uma faixa de preço. As opções se encaixam em todos os gostos e bolsos, mas em qualquer circunstância é necessário dedicar tempo a uma análise profunda do negócio e do cenário.

-Avalie o potencial do segmento escolhido;

-Exija receber a COF e examine cada detalhe;

-Descubra se você se identifica com o modelo de negócios – fale com Franqueados da Rede e faça um Test Drive de Franquias, se possível;

-Assine o contrato e lucre com o seu próprio negócio.

Notícias sobre

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *